PUBLICIDADE
Topo

Nos pênaltis, Werder Bremen elimina o Dortmund da Copa da Alemanha

05/02/2019 20h29

Em um jogo eletrizante e repleto de emoção, o Werder Bremen conseguiu a classificação para a fase de quartas de final da Copa da Alemanha. Após um empate em 3 a 3 ao final da prorrogação, gols de Reus, Pulisic e Hakimi para os Aurinegros, Rashica, Pizarro e Harnik pelos visitantes, Pavlenka brilhou e o Bremen venceu por 4 a 2 nos pênaltis e garantiu a vaga para próxima fase.

BREMEN SAI NA FRENTE

Mesmo com a Muralha Amarela apoiando o Dortmund, o Werder Bremen não se assustou e começou a partida surpreendendo os donos da casa. Logo aos cinco minutos de jogo, Kruse cobrou falta em direção ao gol e Rashica antecipou-se e desviou para o gol, tirando o goleiro Oelschlagel da jogada e abrindo o placar para os visitantes.

REUS CHAMA A RESPONSA

Atrás no placar, o Dortmund buscou o resultado e aplicou uma pressão no Bremen até o final do primeiro tempo. Até que, no último lance, Marco Reus cobrou falta com perfeição, e colocou a bola no ângulo do goleiro Pavlenka, que nada conseguiu fazer para evitar o empate dos Aurinegros.

SEGUNDO TEMPO MORNO

Na etapa final, o Dortmund ficou mais com a bola, mas pecou na hora de finalizar. Em pelo menos duas oportunidades, os mandantes ficaram na reclamação para marcação de pênaltis, mas o árbitro não deu ouvidos e mandou o jogo seguir.

Antes do apito derradeiro do tempo regulamentar, o Bremen teve a grande chance de marcar o gol que daria a vaga na próxima fase. Em cobrança de falta de Kruse, a bola desviou e o goleiro Oelschlagel se contorceu todo para fazer uma defesa magistral para evitar o gol. Na resposta, em cobrança de escanteio, Thomas Delaney testou firme no travessão.

PRORROGAÇÃO EMOCIONANTE

No tempo extra, o destaque da primeira etapa foi o Borussia Dortmund, que marcou o segundo após linda jogada de Pulisic, que tabelou com Paco Alcácer e saiu na cara do gol para fazer o gol.

No segundo tempo, o interminável Claudio Pizarro empatou a partida, aproveitando bate-rebate da zaga, mas o Dortmund mostrou força e Hakimi marcou o terceiro, após bela jogada de Philipp pela direita. O Bremen não desistiu e no abafa, Martin Harnik testou para o gol e levou o jogo para os pênaltis.

PAVLENKA BRILHA E BREMEN GARANTE A VAGA

Na disputa de cobranças da marca da cal, o Dortmund, que foi valente durante toda partida, sucumbiu a pressão e viu o goleiro do Bremen brilhar. Paco Alcácer, na primeira cobrança foi parado por Pavlenka, assim como Max Philipp, que viu o goleiro ser herói. Pelos Aurinegros, Witsel foi o único que converteu. Do lado do Bremen, Pizarro, Eggestein, Klaassen e Max Kruse foram perfeitos e deram a vaga para os visitantes.

Esporte