PUBLICIDADE
Topo

Veja o retrospecto recente dos pequenos no mata-mata do Carioca

04/02/2019 16h30

Deixando para trás o Botafogo, o time do Resende é a grande surpresa entre os semifinalistas da Taça Guanabara. Agora, após classificar-se com o segundo lugar do Grupo C, a equipe lutará contra o retrospecto dos times de menor expressão do Rio de Janeiro nas fases mata-mata do Carioca. Nesta década, ninguém conseguiu tirar os títulos dos turnos dos quatro grandes clubes.

Com local ainda indefinido (São Januário ou Maracanã), o Resende enfrenta o Vasco na semifinal da Taça Guanabara. O confronto será no domingo, às 17h. Na outra semi, Flamengo e Fluminense duelam no sábado, às 19h, no Maraca.

Na galeria abaixo, relembre todas as vezes em que as equipes menores avançaram às semifinais da Taça Guanabara ou da Taça Rio nesta década.

2018 - BANGU E BOAVISTA AVANÇAM À SEMI DA TG

Em 2018, Bangu e Boavista deixaram dois grandes do Rio de Janeiro para trás e conseguiram as classificações para as semifinais da Taça Guanabara. No Grupo B, o Bangu ficou em segundo lugar com oito pontos, atrás do Flamengo, com 13, deixando o Vasco em terceiro, com 7. O Boavista liderou o Grupo C, com 9, assim como o Botafogo. O Flu, com oito, ficou fora da zona de classificação.

Assim, os dois se enfrentaram em uma das semifinais da TG. Por conta da campanha melhor na fase de grupos, o Boavista avançou à decisão com o empate em 2 a 2 no Estádio Nilton Santos. Na final, o time de Saquarema acabou derrotado pelo Flamengo, por 2 a 0, no Kleber Andrade, em Cariacica.

2017 - MADUREIRA SE COLOCA ENTRE OS GRANDES

Há duas temporadas, o Madureira foi quem conseguiu uma vaga na semifinal da Taça Guanabara, ficando na segunda posição do Grupo B, com 10 pontos, atrás do Flamengo, que teve 100% de aproveitamento dos pontos. O Botafogo, com sete pontos, foi quem ficou na terceira posição da chave.

Na semifinal, o Tricolor Suburbano ficou no 0 a 0 com o Fluminense, no Los Larios. Como teve melhor campanha na fase de grupos, o Flu avançou à final.

2014 - CABOFRIENSE AVANÇA EM FÓRMULA DISTINTA

Em 2014, o Campeonato Carioca teve uma fórmula distinta da atual: 16 times se enfrentaram, em grupo único da Taça Guanabara, e os quatro melhores classificados avançaram para a semifinal do Estadual. Flamengo, Fluminense e Vasco ocuparam as três melhores posições, com a Cabofriense em quarto, com 25 pontos. O Botafogo foi apenas o nono colocado, com 17 pontos.

Na semi do Carioca, o time de Cabo Frio perdeu duas vezes para o Flamengo: 3 a 0 na ida e 3 a 1 na volta. Os dois confrontos foram disputados no Maracanã.

2013 - VOLTAÇO E RESENDE GOLEADOS NAS SEMIS

Volta Redonda e Resende, segundos colocados do Grupo A e B da Taça Rio de 2013, respectivamente, deixaram para trás Vasco e Flamengo e avançaram às semifinais.

Os resultados na fase mata-mata, contudo, não foram positivos. O Resende foi goleado por 5 a 0 pelo Botafogo, enquanto o Volta Redonda perdeu por 4 a 1 para o Fluminense. As duas partidas foram disputadas no Raulino de Oliveira.

2012 - BANGU LIDERA GRUPO B, MAS CAI NA SEMI

Com a melhor campanha do Grupo B, o Bangu, com 15 pontos conquistados, chegou à semifinal da Taça Rio deixando o Fluminense fora da fase mata-mata (o Vasco foi o segundo colocado da chave).

Na semifinal da Taça Rio, o Bangu enfrentou o Botafogo e acabou derrotado em um jogo de seis gols. O Botafogo venceu por 4 a 2 e avançou para a decisão.

2011 - BOAVISTA FAZ JOGO DURO, MAS É VICE DA TG

Em 2011, o Boavista foi a grande surpresa do Campeonato Carioca. Avançou à semifinal da Taça Guanabara como segundo lugar do Grupo A e, na semifinal, eliminou o Fluminense nos pênaltis após um empate em 2 a 2 no tempo regulamentar.

Na decisão, o time de Saquarema fez jogo duro contra o Flamengo, de Ronaldinho Gaúcho, mas acabou derrotado por 1 a 0 no Nilton Santos. R10 foi quem marcou o gol único da partida. Ainda em 2011, o Olaria chegou à semifinal da Taça Rio, mas perdeu para o Vasco por 1 a 0.

Esporte