PUBLICIDADE
Topo

Artilheiro do Carioca, João Carlos é um dos maiores goleadores do campeonato nesta década; veja a lista

04/02/2019 10h11

Nem Gabigol, nem Maxi López, o atual artilheiro do Campeonato Carioca atende pelo nomes de João Carlos. Aos 31 anos de idade, o centroavante do Volta Redonda já marcou seis vezes em apenas cinco jogos e lidera o ranking entre os goleadores do Rio junto com Maxwell, do Resende. Desconhecido do grande público, porém, não é de hoje que o camisa 9 do Voltaço estufa as redes adversárias.

Tendo atuado também por Duque de Caxias, Macaé e Madureira, João Carlos já marcou 18 gols em 52 jogos de Estadual desde a sua primeira participação, em 2013. Com os seis anotados em 2019, até agora, o atacante se tornou o 13º maior artilheiro da competição nesta década, ficando à frente de nomes como Paolo Guerrero, Conca, Dodô e Nenê, entre outros. Veja o ranking desde 2010:

1º - FRED - 48 gols

Contratado pelo Fluminense em 2009, Fred se tornou o terceiro maior artilheiro da história do clube. No Campeonato Carioca, foram 51 gols, sendo 48 deles nesta década, ou seja, entre 2010 e 2016, quando retornou ao futebol mineiro.

Para balançar as redes 48 vezes, o goleador do Tricolor precisou entrar em campo apenas 76 vezes, liderando o ranking deste período. Nas edições de 2011 e 2015, Fred terminou ainda no topo da lista dos goleadores.

2º - LOCO ABREU - 34 GOLS

Uma das maiores referências ofensivas do Botafogo nos últimos anos, Loco Abreu é o segundo maior artilheiro do Campeonato Carioca nesta década. Em apenas quatro edições disputadas, o uruguaio marcou 34 vezes.

Se engana, porém, quem acha que todos os tentos foram anotados com a camisa do Glorioso. Em 2017, pelo Bangu, o centroavante anotou três de seus 34 gols.

3º - ALECSANDRO - 33 GOLS

Artilheiro do Campeonato Carioca de 2012, com 12 gols, Alecsandro aparece em terceiro no ranking dos maiores goleadores do Estadual nesta década. Foram duas edições pelo Vasco e duas pelo Flamengo, totalizando 33 gols.

Foi com a camisa vascaína que Alecgol se sagrou artilheiro, em 2012, no entanto, foi pelo Fla que balançou as redes mais vezes. Dos 33 tentos anotados, 19 foram pelo Rubro-Negro.

4º - PIPICO - 26 GOLS

Com passagens por diversos clubes do Rio de Janeiro, Pipico é o 4º maior artilheiro do Campeonato Carioca nesta década. Tendo atuado por Bangu, Macaé, Vasco e Volta Redonda, o atacante balançou as redes 26 vezes em 85 partidas na competição.

Sua melhor temporada foi no ano passado, quando marcou 6 gols pela equipe macaense. Atualmente, Pipico defende as cores do Santa Cruz.

5º - GILCIMAR - 25 GOLS

No atual Campeonato Carioca, ninguém fez tantos gols quanto Gilcimar. Aos 37 anos de idade, e atualmente defendendo o Macaé, o atacante é o maior goleador em atividade na competição, e o quinto mais efetivo nesta década.

Experiente, o centroavante já vestiu as camisas do Tigres do Brasil, Duque de Caxias, Boavista, América, Cabofriense, Portuguesa e Audax, marcando 25 gols em 75 jogos.

6º - VAGNER LOVE - 24 GOLS

Atualmente defendendo o Corinthians, Vagner Love já brilhou também com a camisa do Flamengo. Um dos maiores artilheiros do clube neste século, o atacante é o sexto maior goleador do Campeonato Carioca nesta década.

Em 24 jogos disputados em 2010 e 2012, Love balançou as redes 24 vezes, obtendo a impressionante média de um por partida. É o melhor aproveitamento entre os principais artilheiros deste período.

6º - SOMÁLIA - 24 GOLS

Revelado pelo América Mineiro nos anos 90, Somália rodou o Brasil, e até o exterior, onde atuou na Holanda, Eslovênia, Arábia Saudita e na Coréia do Sul, fazendo gols. Em 2018, aos 40 anos, atuou pelo Taboão da Serra, de São Paulo.

No Carioca, Somália chegou a vestir a camisa do Fluminense. Nesta década, porém, passou apenas por equipes menores, como Duque de Caxias, Boavista e Bonscuesso, marcando 24 gols em 48 jogos no Carioca.

8º - ALMIR - 23 GOLS

Outro velho conhecido do torcedor carioca é Almir. Acumulando passagens por Botafogo e Flamengo, o meia ocupa a sétima posição no ranking dos maiores artilheiros do Estadual nesta década.

Atualmente vestindo a camisa do Brasiliense, Almir se destacou nos últimos anos defendendo o Bangu. Foi pelo Alvirrubro que marcou seus 23 gols em 55 atuações no Carioca.

8º - HERRERA - 23 GOLS

Apesar de chamado de "Quase Gol" pelos torcedores, Germán Herrera viveu um bom momento com a camisa do Botafogo, atuando ao lado de Loco Abreu. Entre 2010 e 2013, o argentino marcou 23 gols em 49 jogos no Carioca, ocupando a sétima posição no ranking.

Herrera defenderia também o Vasco, em 2015, porém, chegou a clube somente depois da disputa do Estadual daquele ano. O atacante atualmente defende o Rosario Central, da Argentina.

8º - RODRIGO LINDOSO - 23 GOLS

Negociado pelo Botafogo com o Internacional nesta janela, Rodrigo Lindoso é mais um nome tradicional do futebol carioca que aparece nesta lista. Antes do Glorioso, o meia passou por Madureira e Fluminense, antes de se firmar no Alvinegro.

Entre 2010 e 2018, Lindoso participou de todas as edições do Campeonato Carioca, disputando 102 partidas e marcando 23 gols.

8º - MARCEL - 23 GOLS

Criado nas divisões de base do Santos, no fim dos anos 90, Marcel já vestiu as camisas de Palmeiras, Grêmio e Corinthians. Porém, foi no Resende, clube que passou a defender em 2011, que o meia criou raízes.

Aos 37 anos, o camisa 10 está em sua 9ª edição de Campeonato Carioca, todas pelo Resende. Em 2019, o jogador ainda não marcou, mas nas temporadas anteriores, foram 23 bolas na rede em 103 atuações.

12º - BERNARDO - 20 GOLS

Com passagem marcante pelo Vasco no início da década, apesar dos altos e baixos vestindo a camisa do clube, Bernardo é mais um nome conhecido entre os maiores artilheiros do Campeonato Carioca nos últimos anos.

Entre 2011 e 2015, o meia-atacante balançou as redes 20 vezes em 58 jogos, todos com a camisa vascaína.

13º - JOÃO CARLOS - 18 GOLS

Artilheiro do Campeonato Carioca 2019 até o momento, ao lado de Maxwell, do Resende, com seis gols cada, João Carlos vem demonstrando o faro de gol de outras temporadas. Em sua sexta edição de Estadual, o centroavante já aparece no top 15 dos goleadores da década.

Somando seus gols marcados por Duque de Caixas, Macaé, Madureira e, agora, pelo Volta Redonda, já são 18 bolas na rede em 52 partidas disputadas.

13º - MARCELO - 18 GOLS

Quem está empatado com João Carlos é outro jogador do Volta Redonda: Marcelo. O experiente meia de 30 anos, capitão do Voltaço, está em sua oitava edição de Campeonato Carioca, já tendo defendido também o Friburguense e o Macaé.

Ao todo, são 18 gols marcados em 86 jogos de Estadual nesta década. Em 2019, o volante ainda não balançou as redes adversárias.

Esporte