PUBLICIDADE
Topo

Com vaias, Botafogo perde para o Resende e cai na Taça Guanabara

31/01/2019 22h16

De forma precoce, o Botafogo está eliminado da Taça Guanabara. Na noite desta quinta-feira, no Nilton Santos, a equipe foi derrotada pelo Resende por 1 a 0 e deu adeus ao primeiro turno do Campeonato Carioca. O Alvinegro segue sem vencer em 2019 e recebeu muitas vaias dos torcedores, que cobraram reforços, gritaram contra o presidente Nelson Mufarrej e pela chegada dos irmãos Moreira Salles ao futebol de General Severiano. O Resende, por sua vez, segue vivo e vai para a última rodada com chance de ir à semifinal.

SEM DESÂNIMO

O Botafogo entrou em campo sabendo que praticamente já estava eliminado da Taça Guanabara, já que horas antes o Bangu venceu a Cabofriense e obrigava o Alvinegro vencer e tirar um saldo de seis gols. Mesmo assim, o time comandado por Zé Ricardo não desanimou e, apesar de dificuldades na criação, tentava chegar ao gol. O Resende, por outro lado, buscava vencer para conseguir vivo na busca por vaga na semifinal.

CHANCES E CHANCES

A primeira tentativa de gol do Botafogo foi aos 14, quando Luiz Fernando obrigou o goleiro Ranule a fazer boa defesa. Mas o Resende, com um maior vigor físico, não ficava para trás - tanto que três minutos mais tarde, Gatito Fernández defendeu em dois tempos em chegada de Léo Silva. Maxwell ainda promoveu uma boa chegada ao time do interior.

E FOI COM PERIGO...

O Resende seguia indo para o ataque e teve a maior chance até então do jogo acertando o travessão, aos 35, com Arthur Faria aproveitando erro no início da jogada de Gabriel. Este panorama se manteve assim na sequência da partida até o momento do intervalo, quando Zé Ricardo teve um pouco de trabalho para corrigir as falhas então vistas em campo.

TUDO OU NADA

Depois de alterações táticas, o Botafogo foi para o tudo ou nada na etapa final. Quase abriu o placar aos 13 minutos, quando Luiz Fernando por pouco não fez um gol olímpico. No lance seguinte Gustavo Ferrareis também levou perigo e obrigou Ranule a trabalhar. Marcinho e Kieza ainda tiveram suas oportunidades.

RESENDE PREMIADO

Depois do tudo ou nada do Botafogo, o Resende acabou premiado pela boa atuação e predomínio no jogo, aproveitando falhas vistas na equipe alvinegra. Em contra-ataque aos 25 minutos, Maxwell aproveitou e mandou forte, fazendo o gol da vitória e da eliminação do Botafogo na Taça Guanabara. Após este balde de água fria, vaias dos quase três mil torcedores e indignação pela fase ruim, em uma esperança de breve melhora.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 0 X 1 RESENDE

Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data/hora: 31/1/2019, às 20h (de Brasília)

Árbitro: João Batista de Arruda (RJ)

Assistentes: Carlos Henrique Cardoso de Souza (RJ) e Wallace Muller Barros Santos (RJ)

Público/renda: 2.358 pagantes/R$ 43.407,00

Cartão amarelo: Valdeci (RES)

GOL: Maxwell 25'/2ºT (0-1)

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel e Gilson; Jean (Wenderson 15'/2ºT), Alan Santos (Gustavo Ferrareis intervalo) e Alex Santana (Leandro Carvalho 27'/2ºT); Luiz Fernando, Erik e Kieza. Técnico: Zé Ricardo.

RESENDE: Ranule; Filipe Sousa, Rhayne, Lucão e Jeanderson; Joseph, Vitinho, Léo Silva, Arthur Faria (Zambi 30'/2ºT); Davi Ceará (Valdeci 17'/2ºT), Maxwell (Dieguinho 36'/2ºT). Técnico: Edson Souza.

Esporte