PUBLICIDADE
Topo

Após erro no jogo do Fla, árbitra é afastada e passa por reciclagem

22/01/2019 12h44

O erro no lance que originou o primeiro gol do Flamengo custou caro à árbitra de linha, Rejane Caetano da Silva. Graças ao equívoco, a profissional foi afastada por dez dias dos jogos do Campeonato Carioca. Rejane passará por um treinamento teórico e prático imposto pela Federação de Futebol do Rio de Janeiro.

De acordo com Sergio Santos, coordenador de ensino da Comissão de Arbitragem do Rio, a árbitra terá de assistir a analisar alguns vídeos durante cinco dias e passar outros três em trabalho de campo. O intuito é diminuir os erros e corrigir posicionamento e deslocamento. Após o processo, ela passará por uma prova para verificar se está apta a voltar aos trabalhos.

Antes do erro, o placar estava 1 a 0 para o Bangu, com gol de Anderson Lessa, e o Flamengo vinha pressionando pelo gol de empate. Aos 13 minutos, Renê disputou uma bola na linha de fundo, ganhou e tocou para Diego, que arrematou para o gol e Felipe Dias tirou com a mão. O juiz expulsou o atleta do Bangu e o meia do Fla bateu o pênalti com maestria. No entanto, no início da jogada, a bola havia cruzado a linha de fundo, antes de Renê tocar para o meio da área.

Esporte