Topo
Entretenimento

Ex-Red Hot Chili Peppers é investigado por atropelamento que matou homem

Josh Klinghoffer é investigado por atropelamento - Reprodução/Divulgação
Josh Klinghoffer é investigado por atropelamento Imagem: Reprodução/Divulgação
do UOL

Colaboração para Splash, em São Paulo

10/07/2024 16h52

Josh Klinghoffer, 44 anos, guitarrista e ex-integrante do Red Hot Chili Peppers, é investigado pelo atropelamento de um pedestre que morreu em março deste ano.

O que aconteceu

O músico estava na cidade de Alhambra, na Califórnia, nos Estados Unidos, quando fez uma conversão à esquerda e atingiu uma pessoa que usava a faixa de pedestre. "Foi um acidente trágico. Depois que Josh atingiu este pedestre no cruzamento, ele imediatamente parou, encostou o carro, ligou para o 911 e esperou até a chegada da polícia e da ambulância. Obviamente, ele está cooperando com a polícia durante toda a investigação de trânsito. Isso foi puramente um acidente trágico", disse o advogado do músico, Andrew Brettler, ao TMZ.

De acordo com o veículo, a vítima era Israel Sanchez, 47. O homem foi arrastado pelo asfalto e sofreu uma contusão na cabeça, com ferimentos graves. Ele não resistiu e morreu horas depois do acidente.

A família de Israel estaria processando o artista por negligência e morte por negligência.

Um vídeo do momento do acidente mostra o guitarrista dirigindo uma SUV preta, quando a vítima é atingida. Segundo a investigação, Josh é acusado de não ter freado e estar distraído ao volante.

A gravação ainda mostra que o guitarrista parou o automóvel e desceu para ver como estava a vítima, mas se virou e "retornou rapidamente ao carro", informou o site.

Josh fez parte da banda de rock Red Hot Chilli Peppers entre 2009 e 2019. Depois, ele tocou em outros grupos como Pearl Jam e Jane's Addiction.

Entretenimento