Topo
Entretenimento

Governo anuncia investimento bilionário em setor audiovisual brasileiro

do UOL

De Splash, em São Paulo

19/06/2024 20h28

O Governo Federal anunciou, nesta quarta-feira (19), o investimento de R$ 1,6 bilhão para o setor audiovisual. O presidente Lula (PT) viajou ao Rio de Janeiro ao lado de Margareth Menezes, ministra da Cultura, para celebrar o investimento em ato em homenagem ao Dia do Cinema Brasileiro.

O que aconteceu

Investimento será destinado à produção de séries e filmes brasileiros. Também está programado o investimento em coproduções internacionais no valor de R$ 200 milhões — o maior já disponibilizado para esta ação, e que recebeu 476 projetos de 47 países.

Investimento gerará empregos e modernização dos Estúdios Rio. Os recursos serão destinados para construção de oito novos estúdios e modernização de outros oito, além de gerar 7.800 empregos (2.500 diretos e 6.300 indiretos).

Linha de crédito do BNDS para desenvolvimento do setor audiovisual. A indústria audiovisual passa a ter uma linha de crédito chamada BNDES FSA Audiovisual, desenvolvida em parceria com o Ministério da Cultura, no valor de R$ 400 milhões.

O objetivo é induzir investimentos e potencializar o mercado de crédito para o setor audiovisual, com foco de atuação nos principais gargalos de produção e de exibição, como infraestrutura audiovisual, inovação e acessibilidade, bem como no fortalecimento empresarial em todos os elos da cadeia.
diz o comunicado do Governo Federal

Regulamentação da cota de tela em cinema. O presidente Lula assinou decreto que visa promover a valorização do cinema nacional ao determinar que empresas, indústria cinematográfica e parque exibidor incluam obras brasileiras em sua programação até 31 de dezembro de 2033.

Histórico de investimento no setor audiovisual. A indústria tem recebido altos investimentos desde a retomada do governo Lula para ampliar o acesso da população brasileira ao cinema. Entenda os recursos destinados:

  • Ministério da Cultura registra R$ 6,1 milhões em investimentos para mais de 100 projetos audiovisuais aprovados via editais. Os aportes via Lei Rouanet somam R$ 971,5 milhões, contemplando 1.088 projetos.
  • Em 2023, o Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) destinou o investimento histórico de R$ 1,3 bilhão para produção de conteúdo nacional. Ao todo, já foram selecionados 364 filmes e séries, apresentados por 323 produtoras brasileiras.
  • Ainda no ano passado, foram disponibilizados R$ 537 milhões em linha de crédito ao setor audiovisual. Os recursos foram destinados a projetos de infraestrutura, construção de estúdios, empresas de locação de equipamentos, inovação e desenvolvimento tecnológico.
  • Investimento em estrutura de exibição: o governo promoveu o financiamento à construção de 122 salas de exibição e modernização de outras 52 no Brasil.

Entretenimento