PUBLICIDADE
Topo
Entretenimento

Entretenimento

Andressa Urach lembra uso de drogas e três overdoses: 'Estava me matando'

Andressa Urach relembrou problemas - Reprodução/YouTube
Andressa Urach relembrou problemas Imagem: Reprodução/YouTube
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/05/2021 19h51

Andressa Urach comentou sobre os problemas enfrentados por conta das drogas. A modelo de 33 anos afirmou que teve três overdoses em entrevista ao podcast "Mais que 8 minutos", apresentado por Rafinha Bastos.

Eu tive três overdoses. É quase uma tentativa (de suicídio). Usava muitas drogas, cheirei até quase morrer. Misturava bala, doce, lança. Você busca a morte dessa forma. Aos 27 tinha grana, muita fama, corpo perfeito e pensava em morrer.

A modelo destacou que, na época, deixou de sentir prazer em coisas simples. "Queria estar na rua bebendo, usando drogas. Eu precisava da bebida, da cocaína. Eu queria cheirar mais para sentir alegria".

Andressa afirmou que os problemas do passado envolvendo os abusos do pai adotivo e o abandono do pai biológico fizeram com que ela sentisse culpa. "Não conseguia sentir amor por ninguém", analisou.

Eu já era apresentadora, mas era tudo que eu fazia (prostituição, uso de drogas) era em off. Eu estava me matando, a minha mente estava muito pesada. E então o produto que eu coloquei no meu corpo 5 anos antes (hidrogel) começou a ser rejeitado e eu tive a experiência de quase morte.

Na sequência, Urach reforçou a importância da religião em seu processo de recuperação. Porém, ela também citou a decepção vivida por conta da igreja, principalmente por se considerar "julgada" pelos religiosos.

A igreja que me salvou é a mesma que me levou ao inferno novamente. Eu agradeço muito pela entrada do meu marido na minha vida. Eu não sei como seria sem ele. É uma prova de que Deus sabe de tudo.

Em abril, Andressa Urach usou as redes sociais para relembrar o início da carreira como modelo. Ela também aproveitou para mandar um recado sobre o Miss Bumbum.

Entretenimento