PUBLICIDADE
Topo
Entretenimento

Entretenimento

Marcela McGowan sobre um ano de eliminação do BBB: 'Superei meu maior medo'

Marcela McGowan publica vídeo sobre eliminação no BBB - Reprodução/Instagram
Marcela McGowan publica vídeo sobre eliminação no BBB Imagem: Reprodução/Instagram
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/04/2021 01h06

Marcela McGowan fez um vídeo para falar sobre a sua eliminação do Big Brother Brasil 20, que completou um ano nesta quarta-feira. Intitulado "um ano da minha eliminação", a ex-participante do reality explicou como foi seu processo de aprendizagem após deixar a casa mais vigiada.

A ex-BBB falou sobre o discurso do apresentador Tiago Leifert no dia da sua eliminação. "Há um ano atrás, eu ouvia do Tiago o seguinte discurso: 'Esse paredão não é uma eliminação, mas uma libertação para você finalmente ser livre de verdade'. Vou confessar que naquela hora eu não entendi nada, pois a gente está tenso e não escuta", contou ela.

Ela afirmou que o discurso não fez sentido, pois o apresentador falou sobre cancelamento e ela não sabia o que significava naquela ocasião.

"Não sabia o que era ser cancelada, não entendia nada de internet. Mas, hoje em dia, o que foi dito para mim, não sei se foi essa intenção, faz tanto sentido. Por isso, resolvi fazer esse vídeo, para falar sobre ser protagonista da nossa própria história", disse ela.

A médica falou sobre quem era ela na época que entrou no BBB. "Fazia no máximo dois anos que eu havia me divorciado, estava começando a estudar sexologia, feminismo e a minha vida tinha virado completamente do avesso. Foi com essa cabeça que eu decidi fazer parte do reality show. Eu não entendia nada de internet, não tinha nem Twitter, não sabia como funcionava cancelamento ou posicionamento", contou Marcela.

A ex-participante desabafou que foi para o reality para viver tudo que não tinha vivido até então na sua vida. "O BBB me pareceu a oportunidade perfeita para ser subversiva e viver tudo que eu queria viver. O problema foi não saber o que estava sendo escrito aqui fora para mim. Foi impossível ser protagonista de uma história que eu não sabia", disse ela.

No final do vídeo, Marcela falou sobre o que mudou depois da sua saída do programa. "Quando eu saí e olhei para tudo isso, me doeu muito. Por um bom tempo procurei entender onde eu tinha errado. Então as peças se encaixaram na minha cabeça, e eu entendi como o Big Brother tinha sido uma libertação para mim. Foi uma das primeiras vezes que eu tive que ser a roteirista da minha própria história. Eu tive a oportunidade de viver o que eu queria e falar abertamente da minha sexualidade", contou ela.

Para ela, o programa fez superar o seu maior medo. "Falar que eu me relacionava também com mulheres. Quando os meus erros foram apontados ali dentro, e eu entendi, me tornei um ser humano infinitamente melhor e mais empático. Me mostrou quantidade de coisas que eu tinha para aprender se eu quisesse ser um ser humano melhor. Tirou o medo de errar e qualquer presunção de perfeição. Um ano depois não sou completamente livre, mas hoje eu sou protagonista da história que eu quis escrever", finalizou.

Entretenimento