PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Zezé Di Camargo lamenta morte do pai: 'Peço perdão por insistir que fique'

Zezé Di Camargo publicou uma mensagem lamentando a morte de Francisco  - Reprodução/Instagram
Zezé Di Camargo publicou uma mensagem lamentando a morte de Francisco Imagem: Reprodução/Instagram
do UOL

Colaboração para o UOL, em Santos

24/11/2020 08h53Atualizada em 24/11/2020 17h01

Zezé Di Camargo, irmão de Luciano, lamentou na manhã de hoje a morte do pai, Francisco José de Camargo. O sertanejo publicou uma foto da mão entrelaçada à de Francisco e "pediu perdão" por querer que ele permanecesse vivo.

"Nenhuma tristeza é para sempre, como nenhuma felicidade é eterna. Prepara-te para aprender com a dor e viva intensamente o que Deus te deu de presente: a vida. A lágrima que vem da alegria, é a mesma que vem da dor. O que muda é o contexto!", escreveu ao postar a foto, no Instagram.

"Com sabedoria e numa conversa franca com Deus, não divirja, apenas aceite! Peço perdão pela tristeza que estou sentindo agora, porque sei que minha dor também é sua. Me perdoe pelo egoísmo de insistir que fique aqui, mas meu amor é tão grande, que me tira a sensatez, a lucidez e o entendimento, que a vida é assim!! Mais uma vez me perdoe, por insistir que fique aqui. Te amo meu pai!!!".

Zilu Godói, ex-mulher de Zezé, por sua vez, publicou uma foto com o ex-sogro ao lado de uma citação de Santo Agostinho, em que o filósofo reflete sobre a morte.

"Descanse em paz, Sr. Francisco! Que Deus o receba com todo o amor, e a mesma luz que o senhor nos emanava! Deixo aqui meus sinceros sentimentos a toda a família, em especial à Dona Helena!", escreveu Zilu.

Francisco morreu na noite de ontem, em um hospital particular em Goiânia (GO). A informação foi confirmada pela assessoria da dupla sertaneja. O corpo, ainda de acordo com a assessoria, será velado a partir das 10h de hoje, e o enterro acontece a partir das 17h no cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia (GO).

Francisco foi submetido a uma cirurgia emergencial no último dia 14, em razão de um sangramento na parte baixa do intestino grosso.

Francisco fez sucesso nos cinemas

O incentivo à carreira dos filhos foi retratado no filme "Dois Filhos de Francisco" (2005), que mostra os primeiros esforços de Francisco para fazer a dupla tocar nas rádios. Ele distribuía fichas telefônicas na obra em que trabalhava para que os colegas ligassem nas estações e pedissem a música "É o Amor", primeiro sucesso da dupla.

"Quinze anos depois, "2 Filhos de Francisco" mantém sua posição como um dos grandes fenômenos do cinema brasileiro. Mais ainda: nestes tempos estranhos, é um filme que reafirma a determinação do homem comum e de como seu esforço é capaz de mudar vidas", comentou o crítico de cinema de Splash, Roberto Sadovski.

De acordo com o colunista de Splash Pedro Antunes, sem o Seu Francisco, "gente como Gusttavo Lima, Marília Mendonça, Jorge & Mateus não seriam os nomes mais populares da música da atualidade".

Entretenimento