PUBLICIDADE
Topo

Ludacris aprova uso de sua música em protesto antirracista em Nova York

Ludacris - AFP
Ludacris Imagem: AFP
do UOL

Do UOL, em São Paulo

03/06/2020 15h15

Depois do vídeo de manifestantes em Nova York cantando a música "Move Bitch", de Ludacris, viralizar, o próprio rapper compartilhou o momento nas redes sociais em apoio aos protestos antirracistas nos Estados Unidos.

Em publicação no Twitter, Ludacris escreveu apenas um emoticon de punho cerrado para mostrar sua aprovação à ação.

O vídeo foi gravado na noite de ontem, durante um protesto em memória de George Floyd, morto na última semana, quando manifestantes tentavam fazer com que o Departamento de Polícia de Nova York desbloqueasse a Manhattan Bridge.

A letra da música de 2001 diz: "Move bit**, get out the way" ("Mova-se vad**, saia do caminho", na tradução em português).

O movimento "Black Lives Matter" e os protestos antirracistas nos Estados Unidos vieram à tona após a morte de George Floyd. O homem negro de 40 anos morreu no dia 25 de maio depois de ter sido imobilizado com um joelho sobre o pescoço durante uma abordagem policial violenta na cidade de Minneapolis, no estado norte-americano de Minnesota.

Entretenimento