PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus: morre Alan Merrill, compositor de 'I love rock 'n' roll'

@joanjett/Twitter
Imagem: @joanjett/Twitter
do UOL

Do UOL, em São Paulo

29/03/2020 22h15

Morreu hoje o músico Alan Merrill, de 69 anos. Cantor, compositor e guitarrista, o norte-americano foi diagnosticado com o novo coronavírus. A notícia foi dada pela filha dele, Laura Merrill, no Facebook.

"O coronavírus levou meu pai hoje pela manhã", publicou Laura na rede social. "As pessoas estão morrendo. Você não acha que vai acontecer com você ou com sua forte família. Acontece. Fique em casa - se não por você, pelos outros. Por meu pai. Esta coisa é real", desabafou.

Conhecido por sua atuação na banda Arrows durante a década de 1970, Merrill ganhou notoriedade com a canção "I Love Rock 'n' Roll", composta a quatro mãos com Jake Hooker. Embora a canção tenha sido gravada pelo Arrows em 1975, ficou conhecida em 1982 ao ser regravada pela banda Joan Jett & The Blackhearts. Britney Spears lançou uma versão em 2002.

No Twitter, Joan Jett lamentou a morte de Merrill. "Meus pensamentos e meu amor estão com sua família, seus amigos e com a comunidade da música como um todo", escreveu a cantora. "Ainda posso me lembrar de ver o Arrows na TV em Londres e ser detonada pela canção que me atingiu aos gritos", acrescentou ela, desejando ao músico "uma jornada segura ao outro lado".

Merrill ainda se uniu ao músico Meat Loaf em 1986. Hoje, o cantor se disse "muito, muito triste" e divulgou uma mensagem de condolências.

"Alan foi membro da nossa banda por quatro anos. Ele era um grande ser humano e muito talentoso. Ele faleceu ontem (sic) do coronavírus", afirmou, lamentando a falta de contato com o ex-companheiro nos últimos tempos.

"Que isso seja uma lição para todos nós: tente manter contato com as pessoas que você realmente ama e se importa. A vida é muito curta. Alan, lamento não ter contatado você anos atrás. Eu te amo muito", acrescentou.

Alan Merrill vivia em Nova York, onde liderava a banda Alan Merrill Extravaganza, com Amy Madden no baixo e Mark Brotter na bateria. Ao longo da carreira, ele também fez sucesso no Japão e na Inglaterra.

Entretenimento