Topo

Nike para de comercializar itens esportivos na Amazon

do UOL

13/11/2019 14h27

NOVA YORK, 13 NOV (ANSA) - A Nike informou nesta quarta-feira (13) que deixará de comercializar seus produtos na plataforma Amazon, encerrando um programa piloto que durava dois anos. A fabricante de artigos esportivos disse que se concentrará na venda direta dos seus produtos, como parte de uma nova estratégia comercial, mas que não abandonará outras parcerias externas. A Nike tinha anunciado em 2017 seu acordo com a Amazon, pelo qual a fabricante disponibilizaria seus itens, em troca de uma política mais restritiva da plataforma digital contra produtos falsificados. No entanto, recentemente, executivos da Nike demonstraram insatisfação com a presença de produtos falsificados na Amazon. A decisão da Nike tem sido considerada pelo mercado um grande golpe à Amazon, pois outras grandes empresas também têm evitado comercializar seus produtos na plataforma. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias