Topo

Vice em ibope no país: Maioria do público do SBT tem mais de 50 anos

Silvio Santos, 88 anos, dono e apresentador do SBT  - Reprodução/SBT
Silvio Santos, 88 anos, dono e apresentador do SBT Imagem: Reprodução/SBT
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

do UOL

Colunista do UOL

14/10/2019 00h09

As medições de audiência da Kantar Ibope Media na TV brasileira servem não apenas para aferir o tamanho do público que cada emissora tem, mas também quer tipo de público é esse.

Dados consolidados obtidos pela coluna sobre o SBT mostram que a emissora de fato faz jus ao slogan " a TV da família brasileira". Por outro lado outro slogan correto poderia ser "a TV das pessoas mais de 50 anos.

Os dados de setembro mostram que, embora o público da emissora de Silvio Santos atinja todas as faixas etárias, a maioria absoluta do telespectador "sbetista" (34%) são de pessoas com mais de 50 anos.

Segundo a medição de setembro, 12% dos telespectadores alcançados pelo SBT têm idade entre 4 e 11 anos.

Já 8% deles estão entre os 12 e 17 anos; também 8% têm 18 e 24 anos, e 14% têm idades entre 25 e 34 anos; 23%, entre 35 e 49 anos.

Mais de um terço, porém (34%) contam mais de 50 anos de idade.

TV é vice-líder no país

No mês de setembro, o SBT chegou ao sexto mês consecutivo como vice-líder de ibope nas 15 maiores regiões metropolitanas do país, ou o PNT (Painel Nacional da Televisão).

Nas 24 horas, a TV de Silvio marcou 5,3 pontos —13% acima da Record (4,7 pontos). A Globo, em primeiro lugar, ficou com 13,3 pontos de média.

Cada ponto nessa medição equivale a cerca de 254 mil domicílios sintonizados nas 15 regiões mensuradas.

Média anual

Apesar da diferença em setembro, na média anual SBT e Record ainda estão perigosamente próximas.

Na média das 24 horas entre janeiro e setembro, o SBT tem 5,5 pontos, contra 5,2 pontos da Record (6% de vantagem). A Globo, líder, marca 12,8 pontos de média.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops

Entretenimento