Topo

Recordista em indicações, "Game of Thrones" terá última batalha no Emmy

Mesmo criticada, Game of Thrones domina o Saturn Awards com 4 prêmios -
Mesmo criticada, Game of Thrones domina o Saturn Awards com 4 prêmios

Javier Romualdo

Em Los Angeles (EUA)

20/09/2019 19h04

Com um recorde de 32 indicações, "Game of Thrones" participará na noite de domingo (22) da cerimônia do Emmy pela última vez e, de quebra, tentará se tornar a primeira produção a conquistar os prêmios de melhor série dramática e os correspondentes de ator e atriz - protagonistas e coadjuvantes - em uma mesma edição.

Além de ter reunido milhões de pessoas ao redor do mundo para assistir ao vivo a seu tão esperado final, a obra baseada nos romances do escritor George R.R. Martin e exibida pela "HBO" se despede do público como a produção que mais acumulou indicações ao Emmy na mesma cerimônia e buscará mais um feito histórico: o de série mais vezes premiada também na mesma noite.

Apesar de difícil, "Game of Thrones" têm boas chances de conseguir mais essa marca. A produção já ganhou, pelo menos uma vez, 10 dos 13 prêmios necessários para estabelecer o recorde. A série também é a mais premiada na história dos Emmy, com um total de 57 estatuetas ao longo de suas oito temporadas.

O sucesso de "Game of Thrones" também colaborou para que a "HBO" superasse neste ano a gigante Netflix como plataforma com mais produções próprias candidatas no Emmy.

Tamanho foi o protagonismo sem precedentes conquistado pela série que seu elenco será o responsável pela condução de parte da cerimônia da 71ª edição de entrega dos prêmios, que, assim como ocorreu no Oscar, não contará com um mestre de cerimônias oficial. Além dos atores e atrizes da produção da "HBO", também subirão ao palco como apresentadores os indicados Stephen Colbert, Viola Davis, Michael Douglas, Jimmy Kimmel, Seth Meyers e Billy Porter.

Contra "Game of Thrones" competirão pela estatueta de melhor série dramática "Killing Eve", "Better Call Saul", "Bodyguard", "Ozark", "Pose", "Succession" e "This is Us".

Na categoria de melhor série de comédia, a favorita é a aclamada "The Marvelous Mrs. Maisel", segunda produção mais indicada nessa edição, com 20 candidaturas. A produção deverá bater "Veep", sátira sobre as intrigas que ocorrem na Casa Branca e que se manteve no pódio durante três edições seguidas. As outras séries de comédia na disputa - "Barry", "Fleabag" "Russian Doll", "The Good Place" e "Schitts Creek" - correm por fora.

"Veep" divide com "Game of Thrones" um recorde na história da premiação, já que ambas foram indicadas a prêmios de melhor série em todas as suas temporadas.

A ausência da estrela Julia Roberts entre as indicadas a melhor atriz dramática - pelo papel em "Homecoming", com o qual foi candidata ao Globo de Ouro no início do ano - causou surpresa em muitos.

Por outro lado, Robin Wright, se encontra entre as selecionadas por sua atuação em "House of Cards", apesar dos rumores de que os jurados estariam tentando esquecer a série que tirou de cena Kevin Spacey depois das acusações de abuso sexual que recebeu.

Emilia Clarke, Mandy Moore, Jodie Comer, Laura Linney, Sandra Oh e Viola Davis completam as indicadas ao prêmio de melhor atriz dramática.

Na categoria masculina, competirão pelo prêmio de melhor ator dramático Jason Bateman, Sterling K. Brown, Kit Harington, Bob Odenkirk, Billy Porter e Milo Ventimiglia.

Entre os elencos de séries de comédia, a disputa entre as atrizes reúne Christina Applegate, Rachel Brosnahan, Julia Louis-Dreyfus, Natasha Lyonne, Catherine O'Hara e Phoebe Waller-Bridge. Entre os homens, Michael Douglas, Eugene Levy, Don Cheadle, Anthony Anderson, Ted Danson, Bill Hader são os indicados.

A 71ª cerimônia de premiação do Emmy acontece neste domingo no Microsoft Theater, em Los Angeles (EUA). EFE

Mais Entretenimento