Topo

Andréia Sadi conta que só é reconhecida na rua quando "está na estica"

Reprodução/Globo
Imagem: Reprodução/Globo
do UOL

Do UOL, em São Paulo

11/09/2019 12h16

A jornalista Andréia Sadi contou, em vídeo publicado pelo site do programa "Altas Horas", que só é reconhecida pelas pessoas na rua quando "está na estica". A repórter, que participou da edição do último sábado do programa da TV Globo, contou nos bastidores histórias divertidas relacionadas a sua vida e a sua carreira.

"A gente dá a cara à tapa, estamos 24 horas literalmente na televisão e as pessoas te olham do tipo 'te conheço de algum lugar', mas se você não estiver na estica elas não te reconhecem. Isso acontece o tempo todo", contou.

"A mais recente foi na academia, que um senhor me parou na esteira e brincou: 'olha, você parece a Andréia Sadi da Globo News, mas não é você não porque ele é fina, está sempre arrumada'. Daí eu dei risada porque de fato temos que estar estica e fina para fazer entrevista para dar a cara à tapa na televisão", completou.

Andréia Sadi ainda contou um perrengue que passou para conseguir transmitir uma notícia em primeira mão dentro de um táxi.

"Um ministro do governo tinha sido demitido, eu tinha escrito um post para o blog pelo celular e postei. A pessoa (da Globo News) me ligou e disse Sadi, 'como assim, vamos entrar ao vivo'. Estava parada, no trânsito. Meu chefe falou: 'entra ao vivo, liga aí o skype e vamos embora'. Liguei, o motorista estava ouvindo Raça Negra. Daí disse o seguinte: 'vou entrar ao vivo, ligar o celular e preciso que você diminua um pouco o volume'", contou.

Só que a reação do motorista, empolgado com a entrada ao vivo e querendo até gravar um vídeo para o Stories do Instagram, surpreendeu Andreia. "Consegui entrar ao vivo, a gente deu em primeira mão, mas claro que tive que explicar aquela situação. Todo mundo no estúdio riu, mas a gente conseguiu levar o que é nosso objetivo, a informação."

Mais Entretenimento