Topo

Globosat privilegia pay-per-view em grandes jogos e esvazia canais SporTV

Imagem
Imagem: Imagem
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

do UOL

Colunista do UOL*

20/08/2019 00h05

No final de semana, como normalmente acontece, o SporTV e Premiere transmitiram todos os jogos das séries A e B do campeonato brasileiro.

É sempre uma das maiores mobilizações, entre técnica e pessoal, da televisão brasileira. Algo respeitável. Complicado até dimensionar o tamanho disso.

No entanto, chama atenção o fato de nenhum grande jogo, já como prática estabelecida, ser mais selecionado para o SporTV, como sempre aconteceu. Ou como foi no passado.

Mas só os de menor importância, deixando os principais para o Premiere.

E o que acaba como mais uma grande bola nas costas da TV paga.

*Colaborou José Carlos Nery

Mais Entretenimento