Topo

Inglesa abandona depilação e faz campanha antibullying

do BOL, em São Paulo

18/03/2015 10h55

A inglesa Harnaam Kaur, de 24 anos, é portadora da síndrome do ovário policístico, distúrbio que faz crescer excessivamente os pelos no corpo e no rosto. Devido a isso, ela decidiu abandonar a depilação e lançar uma campanha contra o bullying. As informações são do jornal Extra.

Em entrevista ao programa de TV "This Morning", a jovem contou que resolveu criar um filme para mostrar os prejuízos que o bullying pode trazer. “Eu não acredito que a gente tenha que ter uma certa aparência para ser rotulada como uma mulher”, afirmou.

Kaur espera que o filme, chamado de "Labels" ("Rótulos" em português), sirva para mostrar a importância do bullying. A inglesa quer que o praticante do ato reflita e pense duas vezes antes de agir.

Ela abandonou as lâminas de barbear e os produtos de depilação em 2007, quando tinha 16 anos. De acordo com a inglesa, o caminho tem sido complicado. A jovem, de tanto assédio moral que enfrentou no início, começou a se autoflagelar, e até tentou se suicidar.

(Com informações do jornal Extra)

Mais Entretenimento