Topo

Afastada da TV por doenças, Joana Fomm quer trabalhar: "Meu contrato com a Globo termina agora"

25.nov.2012 - Joana Fomm vai à reestreia do espetáculo "Tim Maia Vale Tudo, O Musical" no Theatro Net Rio - Foto Rio News
25.nov.2012 - Joana Fomm vai à reestreia do espetáculo "Tim Maia Vale Tudo, O Musical" no Theatro Net Rio Imagem: Foto Rio News

Do BOL, em São Paulo

10/06/2013 16h42

Longe das novelas desde 2007, quando atuou em "Bang Bang" (trama global de Mário Prata e posteriormente assumida por Carlos Lombardi), Joana Fomm acaba de vencer a luta contra um câncer de mama, motivo que a manteve afastada das telinhas.

Jonna foi submetida a cinco cirurgias para corrigir os seios após mastectomia. Porém, quando o tratamento do câncer acabou, ela descobriu que sofria de disautonomia. A doença afeta o sistema nervoso e compromete os movimentos do corpo. “Foi mais difícil de aguentar do que o câncer pelo fato de não ter cura”, afirmou Joana em entrevista ao site “Ego”.

Nesse estágio, Joanna notou que algo não ia bem quando, na praia, era derrubada por pequenas ondas do mar. Ao cair na areia, ela não tinha forças para se levantar. Após três anos de reclusão, o jejum da carreira foi quebrado em 2010, quando a atriz aceitou a oferta do diretor Daniel Filho para atuar sentada em uma cadeira no set da série “As Cariocas”. “Meus músculos não tinham força para me sustentar e eu podia desabar a qualquer momento”, lembra.

Recuperada do câncer e com a disautonomia controlada, Joana quer voltar à ativa definitivamente. Apesar de muitos rumores sobre trabalhos futuros, ela não tem nenhum contrato firmado.  “Já estou apta a tudo. Mas ninguém me chamou ainda. Meu contrato na Rede Globo termina agora. Quero trabalhar”, ressalta. Atualmente, a atriz- que alavancou a carreira na década de 90 ao viver a vilã Perpétua, na novela “Tieta”  - passa horas assistindo a séries e programas de entrevista na TV por assinatura e se prepara para lançar um livro de poesias.

Com informações do site "Ego"

 

 

Entretenimento